Livro – Um Passado Sombrio de Peter Straub

Um Passado Sombrio - Colorindo Nuvens06

Quando comecei a ler Um Passado Sombrio de Peter Straub lançado pela Bertrand Brasil estava a espera de uma história bem aterrorizante. A capa, com comentário do próprio mestre do horror Stephen King, só reforçou ainda mais essa ideia. Todas as minhas expectativas já estavam muito bem definidas ao iniciar a leitura e talvez, justamente por isso, tenha ficado um pouco desapontada ao encontrar algo bem diferente do que havia imaginado.

O protagonista da história é Lee Harwell um escritor de livros de fantasia que alcançou um sucesso relativo em sua carreira, mas que se vê diante de um novo desafio proposto pelo seu editor: escrever uma obra de não-ficção para surpreender os seus fãs. Frustrado com os rascunhos do seu novo livro, Lee decide desenterrar um acontecimento macabro do passado para ser o tema de sua nova obra.

Um Passado Sombrio - Colorindo Nuvens

O ano era 1966, os adolescentes do círculo de amizade de Lee, incluindo Eel (sua namorada e futura esposa), passam a ser extremamente influenciados por um Guru de passagem pela região: Spencer Mallon. Seu discurso carismático, cheio de referências filosóficas, logo consegue aliciar os estudantes que aceitam participar de um ritual secreto que resulta em uma inexplicável tragédia: um corpo completamente dilacerado.

Após o acontecimento cada personagem tem a sua trajetória alterada para sempre, Eel, por exemplo, perde a visão gradativamente. A Lee resta-lhe investigar o que realmente aconteceu e tentar ligar os fatos até encontrar algum sentido.

Um Passado Sombrio - Colorindo Nuvens

O livro tem um caráter bem investigativo e diria que se encaixa muito mais no gênero de suspense policial do que terror propriamente dito. A maneira com que os fatos nos são apresentados, torna a narrativa extremamente pesada. Os parágrafos são bem grandes e muitos detalhes insignificantes se repetem com frequência, já que vamos construindo aos poucos, a maneira com que cada personagem vivenciou a fatídica noite.

Para mim foi difícil me envolver com a história. Os argumentos sobrenaturais apresentados não conseguiram me convencer e tampouco, tive uma explicação científica satisfatória, aliás, muito longe disso.

Acredito que Um Passado Sombrio vai agradar aos leitores que realmente gostam de histórias que giram em torno de uma investigação pesada e que não se importam com um ritmo de leitura mais lento. Um ponto bem interessante é tentar juntar os retalhos da trama levando em consideração a experiência de cada personagem e o modo particular com que o ritual foi capaz de influenciar as suas vidas a partir daí.

E ai? Ficou curioso com relação ao livro? Já conhecia a história? Até mais pessoal! :)

Facebook ♡ Twitter ♡ Instagram ♡ Bloglovin

[Esse livro foi enviado pelo Grupo Editorial Record]

8 de maio de 2016

RELATED POSTS

12 Comments

  1. Responder

    Lavínia Carvalho

    6 de maio de 2016

    Parece ser um livro bem legal, daqueles que nos prendem (apesar de não ter acontecido o mesmo com você pelo visto), principalmente pelo fato de ser um pouco de suspense, né? Gosto muito de suspense e investigação, mas prefiro algo mais direto, não gosto muito de “enrolação” rs. Gostei da resenha. Beijos ♥

    • Responder

      Dai Castro

      6 de maio de 2016

      Realmente não me prendeu tanto assim, mas acho que quem gosta de muita investigação vai gostar :) Beijos!!

  2. Responder

    Adriel Christian

    6 de maio de 2016

    oi, oi.

    não conhecia o autor, nem o livro, mas parece ser bom. muié, se o King falou sobre algo da obra, não é muito bom duvidar, né? hahaha.
    vou te confessar que histórias do tipo não convencem muito, mas essa me chamou tanto a atenção… <3

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    • Responder

      Dai Castro

      6 de maio de 2016

      Esse foi o meu maior espanto Adriel!! Apesar da recomendação do stephen King não vi muito terror, será que tenho algum problema? hahaha Beijos!

  3. Responder

    Juliana

    8 de maio de 2016

    Fiquei bem surpresa por esse livro não ter tanto terror assim. Eu sou super medrosa e fugi dele exatamente por achar que iria morrer de medo haahaha
    Tinha ficado curiosa quando vi a sinopse, mas meu medo sempre fala mais alto. Mas agora posso até vir a ler um dia, porque gosto bastante de livros de investigação. Se bem que acho que me sentiria incomodada com a repetição e os detalhes desnecessários. Mas quem sabe né! :)

    Beijos!

    • Responder

      Dai Castro

      8 de maio de 2016

      Comigo foi bem o contrário, fui atraída pelo terror haha Beijos!

  4. Responder

    Clayci

    9 de maio de 2016

    Apesar de adorar leituras policiais, não sei se essa me prenderia por causa do ritmo lento. Lendo o início da publicação eu me lembrei de “Sacos de Ossos”, do próprio mestre Stephen, do desafio do personagem escrever um novo livro..

    • Responder

      Dai Castro

      9 de maio de 2016

      É meio parecida a premissa então… Pois é, foi o ritmo que mais me incomodou :/

  5. Responder

    Thamires Oliveira

    9 de maio de 2016

    Olha, pela capa ele realmente parece ser um livro que contém uma história diferente. Sou fã de suspense policial, mas não gosto quando o livro possui esses detalhes insignificantes. Gostei da sua resenha ;)
    Beijo

    • Responder

      Dai Castro

      9 de maio de 2016

      A história vai e vem muitas vezes, acho que por isso que a leitura não fluiu tão bem comigo, mas se você gosta de suspense policial acho que poderá gostar sim rs

  6. Responder

    Amanda

    10 de maio de 2016

    Ai é tão triste quando a gente vai com muita sede ao pote e acaba se decepcionando, né? :(
    Faz tempo que não sinto vontade de ler livros que sigam o estilo de “Um passado sombrio” e achei legal a sua resenha ter sido bem sincera em relação à ele.

    • Responder

      Dai Castro

      11 de maio de 2016

      Que bom que gostou da resenha. Então, as vezes não rola de se identificar com o livro, né? Acontece… :)

LEAVE A COMMENT