Resenha: O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

O Outro Cão que Guarda as Estrelas é um Spin-off de um mangá de muito sucesso no Japão: O Cão que Guarda as Estrelas. Ambas as obras são bem especiais, principalmente para quem nutre carinho, respeito e tem uma forte conexão com os animais.

Eu cresci rodeada de bichinhos então, histórias sobre animais costumam me marcar bastante. Nesse mangá, Takashi Murakami, nos apresenta a história do outro cãozinho abandonado junto com Happy. Com a saúde frágil e já bem debilitado, ele acaba sendo esquecido na caixa, enquanto o seu irmãozinho é adotado pela garotinha Miku.

Esse cãozinho aparece de relance nas primeiras cenas do volume anterior, aqui no entanto, ele se torna o protagonista e com esse gancho entre as histórias vamos acompanhar qual foi a sua trajetória, a partir do momento em que uma velhinha ranzinza resolve levá-lo para casa. A sua motivação fica logo bem clara: ela vê no cão moribundo um retrato de sua própria situação e tem a ideia de que quando ele se for, ela tomará coragem para por fim a sua própria vida.

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Essa primeira história intitulada de Futagoboshi, nos mostra como um bichinho pode nos inspirar de diversas formas, nos mostrando outros aspectos da vida que muitas vezes, sozinhos, não conseguimos mais enxergar.

Futagoboshi em tradução literal estrelas gêmeas. Refere-se a duas estrelas ligadas gravitacionalmente. Esse é o caso da Sírio, a estrela mais brilhante da constelação da Cão Maior.

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Na segunda história temos Tetsuo, o menino que roubou a carteira do papai de Happy na história original. Descobrimos qual a sua origem e o que o levou a sair de casa, sem nada em mãos.

Ao contar a sua jornada desde o início, passamos a conhecer todas as dificuldade que ainda tão novo, o garoto já enfrentou, há inclusive a participação de Happy e Papai, em um rápido flashback. Apesar de não ser obrigatório a leitura do mangá anterior, acho que todos esses detalhes só serão notados por quem já leu o primeiro volume.

Resenha do Mangá O Outro Cão que Guarda as Estrelas

Assim como o seu antecessor, O Outro Cão que Guarda as Estrelas também é muito sensível, talvez um pouco menos emocionante, mas isso em nada diminui a sua qualidade.

Lançado pela editora JBC, essa edição está um capricho, sou apaixonada por essa capa cheia de sakuras <3 Vocês já conheciam? Beijos!

Classificação do livro: 4 estrelasFacebookTwitterInstagramBloglovin

Leia Também

26 Comment

  1. Que capa mais linda!! ♥
    Fiquei com vontade de ter. Muito fofo!
    Beijos

    1. Dai Castro says: Responder

      A capa é maravilhosa mesmo! <3

  2. Gente que livro lindo! Tanto sua história quanto sua capa :O É o típico livro que se lê e depois deixa de decoração na prateleira ♥

    1. Dai Castro says: Responder

      Sim!Vai ficar guardado aqui com carinho Nady! :)

  3. Que coisa linda Dai, não conhecia nenhum dos dois. As duas histórias me pareceram ser super sensíveis e lindas ~ fora a beleza dos desenhos. Amei!

    1. Dai Castro says: Responder

      Sensibilidade define muito essas duas HQs Camila :)

  4. Que coisa mais lindinha! Morri de amor pela história e pelas ilustrações, e olha que nem são tão fã de mangás. Fiquei curiosa pelo outro cão tambem ^^

    1. Dai Castro says: Responder

      Espero que goste Duds <3

  5. Oie Dai =)

    Li o primeiro volume e me acabei de chorar :'(. Essa é uma daquelas histórias tão lindas e tão tristes ao mesmo tempo que deixa o nosso coração em pedacinhos. Quero muito ler esse segundo volume, mas já sei que vou ter que deixar os lencinhos preparados.

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias…
    @mydearlibrary

    1. Dai Castro says: Responder

      Sim, são histórias bem tocantes mesmo!!! Impossível não se apaixonar <3

  6. tava louca pra ler tua resenha.
    Imagino que fofura de leitura.
    amei a resenha.
    Blog mais fofo da net.
    bjs
    http://escreverdayse.blogspot.com.br/

    1. Dai Castro says: Responder

      Obrigadaaa Dayse *-*

  7. Dai, eu não tinha ouvido falar nesses mangás. Não tenho o costume de ler mangás (li alguns durante o ensino médio e comprei a coleção de Sailor Moon, que ainda falta completar hehe), mas sei que eles podem nos trazer ótimas histórias, como é o caso desse que fala sobre esse cãozinho fofuxo <3
    As histórias parecem ser bem fofinha e ótimas para quem ama animais!

    Beijo! ♥

    1. Dai Castro says: Responder

      Também não tenho costume de ler muitos mangás não, mas esse eu recomendo para todos, mesmo para quem não está acostumado, até porque são só dois volumes ;)

  8. Esses mangás… Só de lembrar já sinto vontade de chorar. Sério, não posso ver bichinhos em situações tristes que já quero me derramar em lágrimas. Quando terminei de ler só fazia chorar e abraçar a Leia (minha cachorrinha), hahahahhaha!
    Mas ele é lindo, lindo, lindo! <3

    Beijos!

    Aleatoriedades Imaginativas

    1. Dai Castro says: Responder

      Awn *-* bichinhos são tudo, né? <3

  9. é aquele livros que a gente sabe que vai chorar, mas quer ter sabe?
    essa capa é maravilhosa demais

    1. Dai Castro says: Responder

      Sim, vale a pena correr o risco de derramar algumas lágrimas <3

  10. Ai que lindo!!! Deve ser um amor ler essas histórias com animais. ^^ Deve ser muito emocionante, sério mesmo. =) Amei a capa, achei tão delicada! Tenho a impressão de que ficaria com o coração bem (mas bem mesmo) apertadinho ao ler.
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

    1. Dai Castro says: Responder

      A arte da capa é muito encantadora, né? É uma história bem sensível :)

  11. Esses mangás! Já perdi a conta de quantas vezes eu falei que ia ler e até hoje não comprei. HAHAHA

    Eu to acompanhando 4 e aí nunca sobra o dinheirinho pra ele mas morro de vontade de ler. Principalmente com as suas resenhas super fofinhas e coloridas, haha. *O*

    Beijo!

    1. Dai Castro says: Responder

      HAHA sei como é Bia! Mas, quando tiver oportunidade de ler, são só dois volumes ai fica mais fácil <3

  12. Dai, eu não conhecia e fiquei completamente apaixonada por esse livro! Aliás, me apaixonei pelos dois: o primeiro e o segundo. Vou comprar! :D

    1. Dai Castro says: Responder

      Que bom que gostou Gabi! São duas obras bem sensíveis espero que goste!!!

  13. Eu sou muito apaixonada por essa capa <3
    E assim como o anterior, fiquei com bastante vontade de ler. Parece ser bem bonitinho e tocante. E tem bichinhos *-* isso já conta muito hehe
    Gostei bastante da resenha e das fotos Dai!

    Beijos!

    1. Dai Castro says: Responder

      É uma história bem sensível mesmo Ju! É tão bonitinha que é impossível não se apaixonar! A capa é a coisa mais linda mesmo! Tantas sakuras! Fico feliz que tenha gostado!! Beijos!

Deixe uma resposta