Resenha: Orgulho e Preconceito em HQ

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Eu sou apaixonada pelo casal Lizzy Bennet e Mr. Darcy de Orgulho e Preconceito. Quando fiquei sabendo que esse clássico de Jane Austen tinha virado História em Quadrinho fiquei super curiosa para conferir.

Lançado pela Editora Nemo a adaptação desse romance histórico, escrito há mais de 200 anos ganha nova vida por meio dessa Graphic Novel. O responsável pela adaptação é Ian Edginton que seguiu a risca a história, preservando até mesmo, os afiados diálogos entre Lizzy e Mr. Darcy.

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Desenhada por Robert Deas, a edição como um todo está muito caprichada. As ilustrações conseguiram manter toda a classe e elegância da Inglaterra da época, com seus casarões e figurinos do século XIX. Os traços dos personagens lembram bastante os atores da adaptação cinematográfica de 2005 com Keira Knightley e Matthew Macfadyen, mas para mim, isso não foi problema, seria mesmo difícil imaginar os personagens com outra aparência :)

Na trama as cinco filhas da família Bennet estão impedidas de herdar Longbourn a propriedade da família, Enquanto sua mãe e seu velho pai passam a temer pelo futuro das meninas, torna-se praticamente, imprescindível que elas consigam se casar com um bom pretendente. Mas, Lizzy Bennet, a segunda de cinco irmãs se recusa a casar-se só pelo status e condição financeira e aguarda um relacionamento que tenha como base o amor recíproco e verdadeiro

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Orgulho e Preconceito e a sociedade da época

Orgulho e Preconceito é o primeiro livro de Jane Austen. Ela o escreveu antes mesmo de completar 21 anos e é considerado por muito, a obra-prima da autora.

Além de toda a profundidade do romance entre Lizzy Bennet e Mr. Darcy, Jane descreve de maneira crítica todas as regras e convenções sociais da sociedade da época, que eram capazes de definir o destino das pessoas.

O casamento, por exemplo, era visto como uma aliança entre famílias para que garantissem um futuro financeiro seguro as mulheres, que não eram incentivadas a avançarem nos estudos além de conhecimentos básicos em geografia, música, pintura, bordado e dança, habilidades essenciais para ganharem o título de “prendadas”.

HQ-OrgulhoPreconceito-ColorindoNuvens05

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Não só Orgulho e Preconceito, mas todos os outros romances de Jane Austen, fornecem um verdadeiro retrato da sociedade da época através do ponto de vista crítico e irônico da autora. Suas personagens transmitem um sentimento e personalidade tão intensos que fica difícil não se envolver e querer conhecer outras de suas obras.

Resenha de Quadrinhos -Orgulho e Preconceito Jane Austen

Achei super legal a experiência de reler essa história por meio dessa adaptação em HQ! Acho que é um item essencial para os fãs da autora. É praticamente impossível não se apaixonar por essa edição tão fofa e caprichada. Vocês já conheciam essa Graphic Novel? Gostaram da resenha? Até mais pessoa! :)

Classificação do livro: 5 estrelas

FacebookTwitterInstagramBloglovin

Leia Também

31 Comment

  1. Eu já li Orgulho e Preconceito e sou muito apaixonada por esse livro! Não sabia que tinha o hq e fiquei com vontade de ler essa versão <3

    1. Dai Castro says: Responder

      Essa edição está linda Bruna <3

  2. E se eu te falar que procurei essa HQ ontem na livraria da Vila e não tinha?
    hahahahahahahahah estou louca para esta edição, mas comprei ms. marvel que ja saiu
    ja viu?

    Beijos

    1. Dai Castro says: Responder

      Siimmm já tenho o novo volume da Miss Marvel <3333 Que pena que não tinha a de Orgulho e preconceito, tá tão fofa essa edição! :D

  3. Maíra says: Responder

    Amei a resenha , sou seguidora nova do blog e to amando, gostaria de saber onde você adquiriu o livro? Obrigada

    1. Dai Castro says: Responder

      Olá Maíra! Fico feliz que tenha gostado do blog <3 Eu comprei essa HQ em uma livraria física da Leitura, mas tem também na internet nesse link da americanas! Beijos! ;)

  4. Oooi! Tudo bem?

    Assim, não me mate, mas não entendo muito essa febre por Orgulho e Preconceito não. É um livro bom? Sim, maravilhoso até, principalmente pela crítica social. Mas é isso tudo? Eu não achei. Até porque o Mr Darcy me incomoda um pouco, não acho ele tão perfeitinho assim não. Mas, como falei, é um ótimo livro, então sempre me interesso por versões diferentes dele. As ilustrações estão lindas, pelo que dá pra ver nas fotos <3 li pouquíssimas graphic novels na vida, mas adoraria tornar um hábito, então com certeza vou conferir essa!

    Beijinhos, te espero lá no http://amendoasefelpices.blogspot.com.br/

    1. Dai Castro says: Responder

      Mr. Darcy é meio irritante em alguns momentos, mesmo (tenho que concordar rs) Espero que goste da história nesse formato também, beijos!!:)

  5. Oiii Dai!
    Você acredita que ainda não li nada da Jane Austen?
    Eu sei sou uma vergonha pro mundo ahhahaha
    Eu estou numa super vibe de HQ, e adorei essa edição, tô pensando em muito em colocar na listinha <3
    tá tão bonita!

    Um beijoo♥

    1. Dai Castro says: Responder

      A HQ é bem fiel a obra! Seria uma boa oportunidade para conhecer a obra da autora <3 beijos!!

  6. Eu amei essa HQ, também acho que é um item que todo fã de Jane Austen deveria ter <3 …. Também estarei na Bienal, quem sabe a gente não se vê por lá? :) Beijos!

    1. Dai Castro says: Responder

      Obâ! Quem sabe a gente não se vê por lá <3

  7. Eu vi outro dia na livraria Dai, achei super bem produzido e as ilustrações lindas!

    1. Dai Castro says: Responder

      Também gostei das ilustrações :) <3

  8. Acho legal o figurino dessa época, confesso que a história não me prende nem um pouco, mas consigo apreciar a leveza dos detalhes em cada quadro.
    Eu achei que o artista conseguiu passar uma sensação de movimento bem legal, num quadro onde o casal anda, eu realmente consigo ver as personagens caminhando, o carinha com cara de “meu deus que eu to fazendo aqui”, e a menina tagarelando sem parar rs, a arte tem alma.
    :)

    1. Dai Castro says: Responder

      Gosto muito dos figurinos também! As ilustrações estão bem expressivas, né? :)

  9. Essa edição está demais! Tem sido meu sonho de consumo ela, pra juntar com a versão “normal” e a de zumbis kkkkkkkkk

    1. Dai Castro says: Responder

      Quero muito a de zumbis <333

  10. Acho indispensável preservar os diálogos (quando o cara não faz isso, ele tem que ser MUITO bom), ponto muito positivo. Não gostei tanto do traço, mas é uma opção ótima pra gente que nem eu, que nunca morreu de encantos e curiosidade or Jane Austen (seu sei, desculpa).

    1. Dai Castro says: Responder

      Os diálogos mais importantes estão todos na história, o que é ótimo mesmo <3 É uma boa oportunidade pra você conhecer melhor a obra mesmo! :) Beijos!

  11. Eu nunca li anda da Jane Austen mas morro de vontade. Eu acho bem linda essa HQ mas queria ler o livro primeiro antes de comprar. :’)

    Beijo!

    1. Dai Castro says: Responder

      Lê sim Bia, espero que você goste :D

  12. Preciso desse livro. Sou apaixonada por Orgulho e Preconceito. Já abri até a página das lojas para pesquisar o preço. Que fofa essa HQ. ^^

    1. Dai Castro says: Responder

      Coisa mais lindinha essa HQ, né? :D

  13. Fiquei apaixonada pelo traço e pelas cores, são lindos <3
    Também achei que lembra um pouco os atores, principalmente o Mr. Darcy.
    Acho que a experiência de ler esse clássico em versão HQ deve ser incrível. Fiquei com bastante vontade!
    E adorei sua resenha :)
    Ah, e nem imaginava que ela tinha escrito esse livro antes de completar 21 anos :o

    Beijos!

    1. Dai Castro says: Responder

      Eu achei que lembra bastante os atores, ou talvez, já tenha associado a imagem dos personagens a eles hahaha! :D

  14. Oi dai, tudo bem?
    Gente, como eu não sabia disso? Estou apaixonada por essa edição, mesmo tendo já outras duas em casa do livro, com certeza vou procurar essa para a minha coleção.
    bjus
    Amanda Almeida

    1. Dai Castro says: Responder

      Não dá para resistir a essa edição, né? Muita linda <3

  15. Que lindo! Eu não sabia sobre essa edição em HQ, e agora fiquei com vontade de ler! Esse é o primeiro livro em meses que me chama a atenção, então pode considerar que sua resenha está ótima! Hehehe!
    Eu só li esse livro da autora, mas pretendo ler outros no futuro.
    Beijos.

    1. Dai Castro says: Responder

      Essa edição está lindíssima, eu adorei! Fico feliz que tenha chamado a sua atenção <3 Beijos!!

  16. A recusa da jovem Elizabeth Bennet em se enquadrar nas convencoes sociais e morais da epoca, no entanto, e o que proporciona ao leitor diversas reflexoes sobre amor, orgulho, preconceito e escolhas em relacao ao nosso futuro. Pessoas sao mais profundas do que imaginamos, e e preciso um pouco de paciencia e convivencia para testar o real carater de cada uma delas.

Deixe uma resposta